Chris Cornell, do Audioslave e Soundgarden, morre aos 52 anos de idade
Postado em 18 de maio de 2017 @ 09:11 | 988 views


O vocalista Chris Cornell, fundador das bandas Soundgarden e Audioslave, faleceu nesta quarta-feira, 17 de maio de 2017, em sua cidade natal Detroit. A causa da morte ainda não foi informada e a família pede privacidade.

 

Chris Cornell, fundador do Soundgarden, faleceu aos 52 anos.

 

Segundo o agente de Cornell, Brian Bumbery, o falecimento foi súbito e inesperado. Com isso, podemos acreditar que o cantor não sofria ou vinha tratando de nenhuma doença.

Especulações à parte, a perda de Chris Cornell marca o fim de um legado musical construído nos últimos 32 anos.

Nascido em 20 de julho de 1964 em Detroit, Chris Cornell era um barítono que alcançava longos e estridentes agudos. Na infância, se dedicou ao piano, passou a dominar a bateria e, na idade adulta, fundou o Soundgarden em Seattle em 1984. Com o Soundgarden, foi um dos principais nomes do movimento grunge ao lado de bandas como Pearl Jam, Nirvana e Alice In Chains e recebeu diversos prêmios de reconhecimento mundial, principalmente pelo single “Black Hole Sun“. Até o encerramento do Soundgarden em 1997, cinco álbuns de estúdio foram gravados, alcançando mais de 9 milhões de discos vendidos.

Em 1990 também gravou um álbum do projeto Temple Of The Dog, ao lado de Eddie Vedder. Mais tarde, com músicos que participaram do Temple Of The Dog, Vedder fundou o Pearl Jam.

Em 2001, quatro anos após o fim do Soundgarden, Cornell lança o primeiro disco de sua nova banda, chamada Audioslave, junto a ex-integrantes do Rage Against The Machine. O Audioslave também firmou seu lugar no mainstream do rock mundial, com grandes singles como “Cochise“, “I Am The Highway“, “Show Me How To Live” e “Like A Stone“. Até o fim das atividades em 2007, o Audioslave lançou três discos.

Em 2010, Cornell anuncia a volta do Soundgarden, com a presença de dois membros fundadores e outros dois que já estavam na banda desde 1991. Em 2013, lançam um novo disco intitulado King Animal.

Em 2017, após a eleição do presidente norte-americano Donald Trump, o Audioslave se reuniu para apresentação especial em um evento que protestava contra os ideias de Trump. Nesta reunião, a banda contava com os membros originais, visto que durante toda a sua história nunca houve alterações de músicos. Em entrevistas, Cornell respondeu que a volta do Audioslave não era algo impossível, visto que todos os integrantes não possuem problemas pessoais entre si e o show de reunião após 10 anos de inatividade foi uma experiência positiva.

Rumores apontavam que conversas a respeito da reunião do Audioslave eram reais. Porém, seria algo lento e progressivo, tendo em conta a agenda intensa de shows que o guitarrista Tom Morello possui (agora ao lado do Prophets Of Rage, que acabou de visitar o Brasil) e também das atividades de Chris Cornell como cantor solo.

O último tweet de Chris Cornell comemorava o retorno para a cidade natal Detroit, onde se apresentou com o Soundgarden pela última vez no Fox Theatre, com abertura do The Pretty Reckless.

Formado em jornalismo pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS) desde 2014, iniciou a jornada nesse meio colaborando em diversos sites especializados em rock e heavy metal ainda em 2007. Fundador do Heavy Talk.

 
Categoria: News
Tags:




Deixe seu comentário





0 Users Online
 
HEAVY TALK - Official Website - All Rights Reserved 2017
Website by Joao Duarte - J.Duarte Design - www.jduartedesign.com